Cervejas moçambicanas e suas curiosidades

2m laurentina

Hoje o post é de bebum :). É sobre as cervejas de Moçambique, que eu adoro! Meus conterrâneos que me desculpem, mas gosto mais das birras daqui do que das do Brasil. Além do mais, estas de Moçambique têm histórias curiosas. Tem uma até feita à base de mandioca.

A minha preferida aqui é a Laurentina, o nome vem do gentilício dos que nasciam na antiga capital de Moçambique; Lourenço Marques, atual Maputo. Quem nascia lá era chamado de laurentino ou laurentina. Essa cerveja tem três versões, a normal que é mais suave; a premium, mais encorpada; e a preta. Essa é a cerveja mais premiada do país. A premium já recebeu até mesmo a medalha de ouro Monde Selection, na Bélgica.

laurentina preta

A outra cerveja famosa é a 2M. “Doisshhh emme”, como dizem os moçambicanos. Atualmente, a mais vendida aqui. O nome vem do antigo presidente francês, conde de Mac-Mahon, que em 1875 decidiu a favor de Portugal em uma disputa com o Reino Unido para ver qual das duas nações ficaria com a posse do sul de Moçambique. O que acho engraçado é que o nome da bebida foi mantido mesmo depois do fim da colonização portuguesa.

E continuando com a nossa viagem pelos bares, também encontramos a Manica. O nome vem de uma das províncias que se chama assim. Manica fica no centro do país e essa cerveja é mais consumida nessa região de Moçambique.

Outra que tem história curiosa é a Impala, feita à base de mandioca, lançada em 2011. Dizem que o governo impulsionou a sua fabricação para que a população com menos poder aquisitivo pudesse comprá-la, ela custa cerca de 10 centavos menos que as outras. Além disso, parece que a ideia era dar utilidade para o excedente de mandioca, que apodrecia nos campos.

impala
Foto: Johaness Myburgh ©AFP

A Impala tem 70% de mandioca e 30% de cevada. Mas não é tão fácil encontrá-la por aqui. Ela é fabricada na província de Nampula, norte de Moçambique. Até agora não a experimentei, mas assim que puder, conto o que achei do sabor e atualizo este post. O sucesso da Impala foi tão grande que parece que há planos de produzir em Moçambique uma cerveja feita à base de milho.

O mais curioso é que tanto a Laurentina, a 2M e a Impala são fabricadas pela mesma empresa, a Cerveja de Moçambique (CDM).

Outra informação interessante, quando passeio pelas lojinhas ou pequenos supermercados de Moçambique é engraçado perceber que o país é totalmente dependente de muitos produtos e alimentos. Aqui quase tudo vem da África do Sul. Aliás, um dos meus esportes favoritos virou olhar rótulo de qualquer coisa para saber a origem. Tal foi a minha surpresa quando outro dia descobri que o leite de caixinha que tomo aqui vem do Uruguai. Pensei: Wow! Esse vem de longe mesmo.

E pra terminar, adivinhem qual é uma das poucas indústrias auto-suficientes de Moçambique? A da cerveja, é claro. Por que será, né?
Enfim, tim tim e saúde!!

7 Comments

  • Wow!!!! Estou no Brasil e nunca senti tanta falta como agora de uma Boa Doishh emme (Kkkkkk muitos colegas Brasileiros matam se de rir quando digo isso)…. Desculpa amigos mas cá do tempo que estou ainda não Bebi nenhuma que supere o sabor das Cervejas Mocambicanas…. se alguém conhecer por favor recomendar….

  • Olá eu sou a Iara Marela, faço coleção de rótulos de cerveja. Observei que você toma todas e esperdiça o rótulo. Gostaria de fazer um pedido, poderia guardar o rótulo e mandar para mim? Eu moro em Corumbá-MS fronteira com a Bolívia. Tenho um negócio de Cama & Café. Quem sabe, um dia você vem passear no Pantanal e se hospeda em meu hotel familiar? Então poderemos fazer uma permuta. Você me traz os rótulos de cervejas tomadas em suas viagens e eu te ofereço a hospedagem grátis. Que acha da proposta? Agradeço a atenção. Abraço.

    • Oi Iara. Que bacana a sua coleção. Adorei a sua proposta 🙂 Ainda não conheço o Pantanal. Me escreva por email (lucila@viagemcult.com) e me diga que tipo de rótulos de cerveja você gostaria. Atualmente moro em Buenos Aires. Quando juntar alguns que te interessem, eu te mando por correio, sem problema. Abraços.

  • Em novembro vou tomar uma 2M hummmmmmmmm quanta saudade! kkk Aperoveito também pra tomar uma milk stout(cerveja escura Sul Africana) sm contar com a Amstel, Castle lager, Hunters Gold( qjue delicia) cerveja feita a base de maçã, nçao sei se vc provou meia adocicada e baixo teor alcoolico

    • Olá, Jacob
      Hummm essa eu não provei. É boa? Já anotei na lista pra qdo. eu puder ir pra Moçambique de novo 😉 Toma uma por mim lá, hein? Abraços!!

Comments are closed.