24 horas em Lisboa

Lisboa (3)

A capital portuguesa tem tantas atrações, monumentos, música boa e comidas maravilhosas que fica difícil escolher apenas alguns programas. Um dia é muito pouco para conhecer Lisboa, já vou avisando. Eu sou apaixonada por essa cidade e voltaria quantas vezes fosse possível. E olha que já estive lá 3 vezes. Neste post conto somente com o que mais gosto de fazer e comer nessa cidade charmosa. É um roteiro bem básico. O resto vocês vão descobrir aos poucos.

9 am – A primeira coisa que todo mundo deveria fazer ao pisar Lisboa é comer pastel de Belém.

Lisboa

Recém-saído do forno, ainda quentinho, esse doce folhado com recheio de creme e canela por cima é um dos meus favoritos do mundo todo. E o mais famoso de Lisboa é o da Padaria Pastel de Belém (Rua Belém 84-92, no bairro de mesmo nome). Aliás, em Portugal bairro é chamado de freguesia. Por favor, se você for a Portugal, não deixe de provar um, dois, cinco…quantos puder. E coma alguns por mim também!!

Lisboa (4)
Muitas vezes tem fila nessa famosa padaria

10am – Ainda nessa região da cidade, outro atrativo imperdível é caminhar ao lado do Rio Tejo.

Lisboa (5)

A primeira parada pode ser feita no Monumento do Descobrimento. A escultura, de 50 metros de altura, em forma de caravela tem várias estátuas de heróis portugueses. Dentro tem um elevador que oferece uma bela vista da região.

Lisboa (6)

Lisboa (2)

11am – Continuando com a caminhada, a próxima parada é na Torre de Belém, Patrimônio da Humanidade.
Essa torre foi construída primeiramente para servir de defesa, depois virou em centro de alfândega e mais tarde um farol. A torre tem 5 andares e dá pra subir até o terraço por uma escadinha caracol. Detalhe, a torre está fechada as segundas-feira.

Lisboa (7) Lisboa (8)

Outro lugar para visitar ainda em Belém é o Mosteiro dos Jerónimos.

Como chegar
Para ir até o bairro de Belém
Bonde: linha 15
Trem: Belém (linha Cascais)
Ônibus: 27, 28, 29, 43, 49, 51 e 112.

13h – O passeio por todos esses monumentos já leva a manhã toda e até um pouco mais, por isso pra hora do almoço eu recomendo comer em algum restaurante o delicioso bacalhau com natas (creme de leite).
Aaaahhhhh que maravilha. Como vocês podem imaginar, Portugal tem muitos pratos à base de peixe e frutos do mar, e esse é o meu favorito!

Lisboa (10)

15h – Para a parte da tarde recomendo visitar o Castelo de São Jorge, nos bairros Castelo e Alfama.
Essa fortaleza, que no passado foi residência dos reis portugueses, tem 11 torres e muita história. As vistas dali são incríveis, principalmente no fim da tarde. Dica, de março a outubro o castelo fica aberto até às 21h.

Vista desde o Castelo São Jorge
Vista desde o Castelo São Jorge

Como chegar
Bonde: Miradouro Santa Luzia, linha 28
Ônibus: Castelo, linha 37

18h – Para fechar o dia, não pode faltar um cafezinho na famosa Café a Brasileira (Rua Garrett 120). Esse café foi inaugurado em 1905 e ninguém menos do que Fernando Pessoa era um dos clientes assíduos. Bem na frente do bar tem uma estátua do poeta pra quem quiser tirar uma foto com ele.

Lisboa (9)

Só cuidado na hora de pedir seu cafezinho. Algumas dicas para facilitar a sua vida, xícara em Portugal é xavena; galão é café com leite servido no copo, e banheira é uma xícara beeeeem servida. O Café a Brasileira abre às 8 e fecha às 2 da manhã.

Como chegar
Para ir até o bairro Chiado
Bonde: 28
Metrô: Baixa-Chiado (linha azul)

22h – E para terminar esse dia da melhor maneira, ouvir um fado cai perfeitamente bem.
Uma mistura de letras melancólicas e saudosas que nasceu nas áreas do porto de Lisboa e nos bairros mais simples acabou virando um dos estilos de referência do país. Entre as cantoras mais famosas de fado estão Mariza e Ana Moura.

Lisboa (14)

Lisboa (13)

O melhor lugar para ouvir essas canções são nas casas de fado do Bairro Alto, Alfama e Mouraria. Escolha uma, sente numa mesa, geralmente compartilhada com outras pessoas, e sinta porque viajar é um dos melhores investimentos que a gente pode fazer.

Gente, eu poderia contar muitas outras atrações para ver e fazer em Lisboa, mas neste post dou somente uma pincelada do que não pode ficar de fora em uma visita à capital portuguesa. E você, tem mais alguma dica de passeio pra fazer na capital portuguesa?