Museu de Arte Decorativo

museo arte decorativo

Acho que o que mais gosto dos museus é essa espécie de viagem no tempo que esses espaços nos permitem. Viajar para trás e tentar imaginar como era a vida em outras épocas. Um tempo de riqueza, luxo, festas e muita arte. Eu tive a sensação de estar vivendo nos anos de 1900, quando visitei o Museu de Arte Decorativo em Buenos Aires.

Essa bela mansão, no bairro de Palermo, próximo a várias embaixadas, guarda uma grande coleção de móveis, quadros, esculturas e muitas obras de arte. A história da criação desse museu é curiosa. Em 1911 uma família só de quatro pessoas morava ali. O casal Josefina Alvear e Matías Errázuriz, que era político, construíram a sua residência em estilo neoclássico já pensando em transformá-la em museu um dia.

Todo o material veio diretamente da Europa; espelhos, mármore, molduras, madeira, etc. Tanto é assim que cada salão tem as peças e o estilo decorativo de um determinado século (XVI, XVII e XVIII).

museo arte decorativo

A entrada toda de mármore (estilo Luis XVI) já é um indício do luxo desse edifício.

A parte de baixo era utilizada para os salões de visita e jantar. Imagina que a casa tinha cerca de 25 empregados, que dormiam no último andar para não serem vistos.

museo arte decorativo

museo arte decorativo

A sala de jantar, em estilo barroco, tem quadros enoooormes que devem medir mais de quatro metros de altura.

Na parte de trás fica um lindo jardim, bem ao estilo parisino. Mas, por enquanto, essa parte não está aberta aos visitantes, mas dá pra dar uma espiadinha através das janelas do último salão.

Esse outro grande salão, que fica no meio da casa, era reservado para as festas da família. Achei muito curioso saber que algumas dessas portas são falsas. Ou seja, elas são apenas decorativas, não abrem.

Quer saber tudo sobre Buenos Aires? Confira o guia de viagem digital para ter a capital portenha aos seus pés!

museo arte decorativo

Na parte de cima ficavam os quartos, os banheiros e os escritórios. É uma delícia percorrer os cômodos e ver como era o mobiliário daquela época; camas com dossel, banheiras de mármore, etc.

DSC_museo arte decorativo0495 museo arte decorativo museo arte decorativo

Engraçado porque vi vários móveis parecidos aos que tinha na casa da minha avó, que era argentina.

Além de muitos móveis antigos, o museu conta com obras de arte de importantes artistas, como Auguste Rodin e ninguém menos que El Greco.

museo arte decorativo
Pintura religiosa de El Greco

Se você gosta de decoração e peças antigas, não deixe de visitar esse museu quando passar por Buenos Aires. A viagem no tempo está garantida!!

museo arte decorativo

Ah, na parte de fora tem um restaurante que é uma graça, o Croque Madame.

museo arte decorativo

Quer mais dicas sobre Buenos Aires? Aqui tem mais de 50 passeios para você descobrir e se divertir na capital portenha.

Como chegar
Museu de Arte Decorativo fica na Avenida Libertador, 1902. Os ônibus que passam por lá são; 10, 21, 37, 38, 41, 59, 60, 67, 92, 93, 95, 102, 110, 118 e 130.

Horário
Abre de terça a domingo, das 14h às 19h. A entrada custa cerca de US$2. Nas terças-feiras a visita é gratuita.

Visita guiada
Tem visita guiada gratuita em espanhol e vale muito a pena. Na terça e quinta (a visita guiada é feita no térreo, às 16h30), aos sábados e domingos tem às 14h30 e 16h30. E na quarta e sexta, a visita é feita no primeiro andar do museu, às 16h30. Quem preferir pode participar da visita guiada em francês ou em inglês (de terça a sexta, às 14h30). Essas duas últimas visitas tem um custo de US$3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *