Praia e surf na Nicarágua

nicaragua san juan del sur

Para quem gosta de surf e festa, San Juan del Sur é o point na Nicarágua. Essa pequena cidadezinha ao sul do país, perto da fronteira com a Costa Rica, é a meca de mochileiros e surfistas.

A gente decidiu passar por lá durante a nossa honeymoonblogger já que tínhamos lido em vários lugares que essa praia era show. Mas para ser bemmmm sincera, não achei tão linda e tão legal quanto imaginava. A praia de San Juan é uma pequena baía que fica cheia de barcos, que levam e trazem turistas. A praia em si não é feia, tem uma faixa de areia bem grande e o mar ali é bem calmo.

Conversando com os locais, ficamos sabendo que durante a Páscoa e Ano Novo é quando San Juan lota fica lotada. A gente passou dois dias lá antes do fim do ano e realmente comprovamos isso; muitos jovens americanos, europeus e locais à procura de praia e agito noturno.

nicaragua san juan del sur

A cidade litorânea é bem pequena e tudo se concentra num raio de 6 quarteirões; restaurantes de comida rápida, barzinhos e vários mercadinhos. Na praia, o único problema é que costuma ventar muito. Por isso esqueça de deitar na areia pra tomar sol. Quando a ventania começa, mais parece que a gente está no meio de uma tempestade de areia no deserto.

Muita gente vai a San Juan del Sur para surfar, mas essa praia não tem onda. O point do surf fica em Maderas e Majagual, a 10 km dali.

O lugar mais bonito de San Juan é o cristo. De lá se tem vistas incríveis da baía e das praias ao redor. Além disso, o sol se põe logo ali no mar. Um espetáculo daqueles que a gente nunca cansa de ver.

SANJUANDELSUR
Vista do mirador. Foto: Esteban Mazzoncini

A subida até o cristo é bem puxada, mas eu garanto que vale a pena. Se você não estiver de carro, tente pedir carona para subir. Os nicaraguenses são muito gente boa e dar ou pedir carona é algo comum por lá.
Surf

nicaragua san juan del sur
Para os amantes do surf, as praias do sul da Nicarágua são um prato cheio. Maderas e Majagual são as mais famosas. Como também costuma ventar muito nessas praias, as ondas são grandes e surfistas do mundo todo passam por lá para testar as suas habilidades.

A linda praia Maderas
A linda praia Maderas
A linda praia Maderas
A linda praia Maderas

Das duas, Maderas é a mais famosa. Mar azul, areia branquinha e altas ondas, uma combinação perfeita. Majagual, que fica ao lado de Maderas é muito parecida. O que mais gostei dessa região é que o lugar ainda não está massificado pelo turismo.
Então tem poucas casas e hotéis e somente alguns barzinhos na praia. Além disso, ainda tem muita vegetação ao redor. Em Maderas tem dois ou três lugares que oferecem aulas de surf e alugam pranchas.

Marsella

A gente ficou 3 dias em Marsella que também fica pertinho, a 2km de Maderas. Marsella tem o mesmo estilo, mas chega a ser ainda mais encantadora porque quase não tem turistas, já que ela não é famosa pelo surf. Nós passamos o Ano Novo lá e foi uma delícia. A praia é bonita e dá pra caminhar de uma ponta a outra em 10 minutos.

Marsella é pura tranquilidade
Marsella é pura tranquilidade

nicaragua san juan del sur nicaragua san juan del sur

O que mais gostei de lá foi ver o espetáculo da natureza. Durante várias horas do dia, pescadores e pelicanos competem para ver quem consegue ¨abocanhar¨ um peixe. As aves fazem voos rasantes em busca das suas prezas e os pescadores ficam de olho nas aves para ver onde jogar as suas linhas de pesca.

Achei engraçado ver que eles não usam varas de pescar, só linha e anzol mesmo. Os pescadores ficam esperando os peixes na beira da praia. Eu fiquei horas observando a dança das aves sobrevoando o mar e a alegria dos pescadores quando conseguiam fisgar algum peixe para o jantar.

Onde ficar
Como essa região ainda não é tão turística, ainda bem, não existe uma grande opção de hotéis. Em Marsella a gente ficou hospedado no Villas México, uma espécie de hostel. O lugar é bacana, mas a alegria da estadia vai depender do quarto que pegar. A gente dormiu duas noites em um quarto dentro de uma casa de madeira e não foi péssimo.

O quarto era pequeno, sem janela, e o banheiro era compartilhado com várias pessoas. Além disso, como a casa é de madeira dava para ouvir cada passo do andar de cima. Sinceramente, não recomendo. Faltou luz várias vezes e ficamos sem ventilador no quarto e como o banheiro não tinha janela, indo à noite só com lanterna pra ver alguma coisa.

No último dia, nos passaram para os quartos de cima e foi um pouco melhor. Vi que no mesmo terreno eles também tem outros quartos, tipo casinhas de cimento, e nesses não tem que compartilhar banheiro e acho que tem ar condicionado, mas não recomendo ficar hospedado lá. Pelo mesmo preço tem outras opções bem melhores na mesma região.

Para comer, super recomendo o Villa del Mar, um restaurante e também hotel que serve ótimos pratos de comida com preços camaradas.

Já San Juan del Sur tem muitas opções de alojamento. Uma boa opção é se hospedar no Hotel Dolce Vita. A dois quarteirões do mar e levemente longe do burburinho noturno, esse lugar é atendido pela proprietária italiana e pela sua filha.

Pátio do Dolce Vita
Pátio do Dolce Vita

Nós ficamos hospedados lá duas noites e gostamos. O hotel é pequeno, tem seis quartos e um pátio interno acolhedor onde servem o café da manhã. Os quartos têm ventilador, ar condicionado e água quente, o que realmente não é necessário porque faz muito calor lá, mas tem gente que gosta de tomar banho quente mesmo no verão.

Na parte de trás tem um bar que pertence ao hotel e é uma boa passar por lá para tomar uma Victoria ou uma Toña, as duas cervejas nicaraguenses mais famosas. Os preços do Dolce Vita são camaradas e é uma das poucas opções que vi na cidade de acomodação que não é hostel perto da praia.

Quer ler mais sobre a Nicarágua? Aqui tem vários posts!!