Cabaña las Lilas, muito mais que um restaurante

cabanalaslilas1

Todo brasileiro que chega a Buenos Aires vai logo querendo saber onde comer a melhor carne argentina ou onde fazem o melhor bife de chorizo, não é mesmo? Agora que o Viagem Cult foi convidado a conhecer o famoso e renomado Cabaña las Lilas, já posso indicar esse restaurante e contar como ele é por dentro pra vocês aqui no blog.

Só pra começar já vou avisando, reserve pelo menos umas 2h ou 3h da sua estadia para se deliciar comendo por lá. A comida no Cabaña não é uma simples refeição só para satisfazer o apetite, é muito mais do que isso. É realmente uma experiência gastronômica.

As porções são abundantes e o serviço é excelente. Por isso, prepare-se para ser paparicado do começo ao fim. Para entrar no clima, quando estive lá com a Gisele, do blog Aqui me Quedo, começamos com um couvert de champignons, berinjelas com queijo e pedacinhos de salmão, tudo acompanhado de um azeite de oliva mega ultra bom!!

Deliciosos pães que você pode provar
Pães que você pode provar

E como se isso fosse pouco, tem um garçom que passa com uma cesta cheia de pães diferentes pra você escolher. Tentador!!

Se você estiver com bastante fome pode pedir algo de entrada; a tradicional empanada, uma morcilla (uma espécie de linguiça preta feita com bastante sangue), um chorizo (parecido com a nossa linguiça), provoleta grelhada (essa foi a minha escolha e estava divina), entre outras opções.

Antes do prato principal a gente aproveitou para admirar a bela paisagem que se tem de um dos lugares mais privilegiados de Puerto Madero. O Cabaña las Lilas fica em frente ao Rio de la Plata e das mesas dá pra ver o movimento dos turistas e argentinos que caminham pelo calçadão e os barcos ancorados.

puerto-madero
cabanalaslilas2

Ok, vamos direto ao ponto, afinal de contas você quer saber qual é a especialidade desse restaurante tão famoso, né? Durante o almoço conversei com o chef Juan Ignacio e os três cortes mais pedidos lá são ojo de bife, asado e bife de chorizo. Mas para quem não abre mão da picanha brasileira, também pode degustar essa carne no Cabaña.

Aliás, como um dos donos é brasileiro, eu achei que o restaurante tem várias ¨brasileirices¨ no seu cardápio; farofa, que vem numa panelinha muito fofa, guaraná, quindim, e até uma espécie de brigadeiro, que é servido na hora do cafezinho.

Sobre as carnes, você pode escolher o ponto que deseja e quando o seu prato chega vem com uma vaquinha dessas mostrando o ponto de cozimento.

cabanalaslilas4

cabanalaslilas-5

Durante o almoço fiquei sabendo, graças ao sommelier, que o vinho deve ser escolhido de acordo com o ponto da carne, acredita? Eu não sabia disso e achei fantástica a informação. Segundo ele, o grau de cozimento e a quantidade de gordura da carne afeta o gosto do vinho na boca.

Eu não como carne de vaca então optei por um peixe. Pedi uma merluza negra. Sim, na foto ela está branca. Eu também fiquei pensando e só descansei quando o garçom me explicou que o peixe é preto por fora hehe. O peixe grelhado estava suave e muito gostoso. Comi acompanhado de uma salada fresca e batatas souflé.

Prato de merluza
Prato de merluza

Quer saber tudo sobre Buenos Aires? Confira o guia de viagem digital para ter a capital portenha aos seus pés!

Depois desse banquete ainda encarei uma sobremesa. Bom, eu sempre tenho apetite para comer doces. Como a gente ficou indecisa porque eram tantas opções, escolhemos um mix que vem um pouco de quase todas as sobremesas. Gente, prepare-se para o que eu chamo de orgia gastronômica.

cabanalaslilas-7

Pudim, torta de chocolate tipo mousse, torta de doce de leite, sorvete com calda de frutas vermelhos, quindim e uma mini panqueca!!! Você já está babando na foto, eu sei.

E se você acha que essa refeição termina aqui, ainda tem mais. Na hora do cafezinho a xícara não chega sozinha na mesa. Ainda tem essa torre com macarrons e alguns docinhos extras. É mega fofo!!

cabanalaslilas-8

Mas espere, ainda não acabou! Você ainda pode provar um pouquinho de lemoncello ou de grappa, duas bebidas bem italianas.
grapa

Eu não sabia e descobri passeando pelo restaurante que os clientes assíduos do Cabañas usam a sua própria faca quando vão ao restaurante. Essas que aparecem nas fotos tem até o nome do dono gravado. Para quem quiser levar uma pra casa, elas estão à venda.

cabanalaslilas-9

Agora deu pra entender porque você precisa reservar entre 2 e 3 horas para ir lá, né? Quanto aos preços, sim, o Cabaña las Lilas não é barato. Mas depois de ter comido lá entendi que não é simplesmente uma refeição. É realmente uma experiência gastronômica. Fazendo um cálculo, o couvert, um prato principal de bife de chorizo com um acompanhamento e uma sobremesa, sem bebida, sai por cerca de R$270, cerca de 80 dólares.

Para os brasileiros, como o câmbio está conveniente, o preço que se paga em Buenos Aires por um restaurante desse nível é bem mais em conta do que no Brasil. E para quem está com um orçamento um pouco mais apertado, o restaurante oferece um menu mais ¨econômico¨, que atualmente custa cerca de R$115, mais ou menos 35 dólares. Esse menu inclui couvert, entrada, prato principal, sobremesa e uma bebida, que pode ser uma taça de vinho.

Mais informações
O Cabaña las Lilas abre diariamente para almoço e jantar. Dica, se for fim de semana vale reservar antes porque o restaurante lota nesses dias.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *